Clicky

Gymnema Silvestre: Alternativa da Índia pra controlar o apetite

Gymnema Silvestre: o termo em latim é o nome de uma das terapias medicinais alternativas mais conhecidas da Índia, com pelo menos 2000 anos de uso constatado e eficácia comprovada no tratamento do diabetes tipo II. Mas como a planta G. Silvestre pode contribuir para a perda de peso e resultar em uma boa qualidade de vida?

gymnema silvestre emagreceA Gymnema Silvestre acumula entre as suas propriedades medicinais a de Adstringente, Tônico Estomacal e Diurético. É conhecida no seu país de origem como Gur-mar ou Sugar Killer – Matadora de Açucar. A boa fama vem dos relatos de menor quantidade de açúcar no sangue e da capacidade de diminuir o apetite observados no consumo da planta.

O Efeito “matador do açúcar” ocorre pelo aumento da quantidade de insulina circulante no uso de Gur-mar. A Insulina é um hormônio produzido no pâncreas, fundamental para a regulação do metabolismo, que tem atividade hipoglicemiante: isto é, retira a glicose circulante da corrente sanguínea e a passa para as células, para que seja consumida pelo organismo e transformada em energia. Diminuir a glicose circulante faz do Gur-Mar uma valiosa arma no controle do diabetes, doença que assombra boa parte da população, em especial os 50,1% dos brasileiros e 48% das brasileiras acima de 20 anos que estão em sobrepeso e, consequentemente, maiores riscos de desenvolvê-la. Diminuir a glicose circulante também se traduz em menos carboidrato se depositando nos tecidos do corpo na forma de gordura, e assim, uma diminuição da massa gordurosa e do peso corporal.

Pode-se somar também aos efeitos de regulação do apetite a propriedade que deve ser a mais curiosa do matador-de-açúcar: uma substância presente no extrato, a gurmarina, foi reconhecida em estudos como uma inibidora dos centros receptores do gosto doce na língua. Observou-se que mastigar certa quantidade do extrato da planta era capaz de bloquear por 1 a 2h a capacidade de se perceber o gosto adocicado e, consequentemente, diminuía o apetite por alimentos doces. Consumir menos carboidratos junto com a diminuição dos níveis de açúcar no sangue acaba por ser uma receita atrativa para o controle do peso e a diminuição do risco de diabetes.

E diminuir indiretamente o açúcar do sangue não parece ser a única propriedade da G. Silvestre. Estudos realizados em 2004 incluíram Gymnema Silvestre na dieta de 150 voluntários obesos. Ao fim do trabalho, observou-se uma diminuição de 5 a 6% do peso corporal e do Índice de Massa Corpórea (IMC) dos participantes, assim como a redução das taxas de colesterol sanguíneo, especialmente de LDL (o popular “colesterol ruim”, envolvido na deposição de gordura nas paredes dos vasos sanguíneos, causando importante risco à saúde).

O produto, apesar do nome indiano, está disponível no Brasil, podendo ser usado na forma de cápsulas, extrato de folhas secas e até spray. Vale lembrar que se trata de suplementação e de terapia alternativa, especialmente em relação ao diabetes, de forma que ao se constatar sinais da doença, deve-se procurar atendimento especializado. No mais, de forma saudável, vale a pena aproveitar essa alternativa tradicional indiana no combate ao sobrepeso.

No comments yet.

Leave a Reply